SESCON-RS reforça importância da doação do IRPF devido para entidades sociais

de de

O SESCON-RS está engajado no “Mês da Solidariedade Contábil”, iniciativa desenvolvida pelo CRC-RS. Entre as ações da campanha está a divulgação da possibilidade de destinação do Imposto de Renda devido para instituições assistenciais. Até o dia 30 de dezembro, o contribuinte poderá doar até 6% do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) devido – no modelo completo − para ajudar crianças, idosos, projetos culturais e desportivos, entidades que apoiam pessoas com necessidades especiais ou que prestam suporte para pacientes com oncologia.

A orientação da entidade é que as pessoas confiram com a sua empresa contábil como proceder e escolham a organização a ser beneficiada. Conforme o vice-presidente do SESCON-RS, Flávio Duarte Ribeiro Júnior, se a doação do imposto não ocorrer neste ano, ainda há a possiblidade de fazer o encaminhamento na próxima declaração. “Precisamos lembrar e incentivar os gaúchos a destinarem parte dos seus impostos devidos para as causas sociais do Estado”, reforça Ribeiro Júnior.

Mais informações sobre a iniciativa podem ser obtidas em valoresqueficam.al.rs.gov.br.